{ Por Gi Salmazi }
    _______________________________________________________________________________________________________________________
O Blog por Gi       Contato 

18 de fevereiro de 2015

E como anda a vaidade depois da maternidade?

Oii meninas! Eu amei os comentários do post anterior, tantas mães sinceras e carinhosas, muito obrigada! E hoje mais um post relacionado a maternidade, na verdade sempre me perguntam ...e como anda a vaidade depois da gestação?

Nem preciso dizer que sempre fui muito vaidosa, né? Nada doentio não kkk mas sempre gostei de me arrumar, de tentar montar looks bacanas, de ter o cabelo alinhado, brilhante e escovado... quando passei pelos tratamentos para engravidar engordei um pouco mais do que esperava e passei a cuidar da minha saúde, engordei, emagreci e com a gestação engordei novamente...

Mas foi uma gestação feliz, sem grandes sustos, sem comilanças absurdas, mas na reta final, tive um pouco de diabetes gestacional e a pressão oscilou bastante, fiz um repouso relativo e abri mão dos exercícios físicos, o Daniel nasceu com 36 semanas e eu engordei 15 kgs.

 Antes e Depois:A primeira foto foi tirada na semana que o Daniel nasceu, já estava bem barriguda e inchada e a segunda foto tirei há uns 15 dias, o vestido está bem mais solto e tudo está voltando aos poucos...

Nos 3 primeiros meses, eu emagreci 11 kgs, fiquei mega feliz, pois sem fazer nenhuma dieta ou exercício consegui emagrecer bem, estava só amamentando, mas comia muito (amamentar me deu mais fome do que durante a gravidez!)

Minha licença durou 7 meses e depois dessa euforia dos 3 primeiros meses, eu não consegui emagrecer mais, ao contrário sempre engordo 1 ou 2 kgs (fecho a boca e eles somem, mas o resto não kkkk) mas confesso que ficar em casa, minha nova rotina com meu filho, medos e ansiedades de mãe de primeira viagem sem babá, me fizeram comer um pouco mais do que deveria...mas como tudo em minha vida eu sigo buscando o equilíbrio, ainda não estou com o corpo que queria, mas eu chego lá e feliz da vida com meu pitico no colo!

Mas nesse primeiro ano quero curtir meu filho, meu tempo livre é todo dele, voltei a trabalhar e minhas horas ao lado dele se reduziram e, esse primeiro ano tem tantas descobertas, tantos momentos únicos, que não vou perder essas horas com tratamentos estéticos, ginástica (nada contra quem faz, viu?) e confesso que no final do dia, depois que o Daniel dorme, quero curtir meu descanso, ter algumas horas livres ao lado do marido...

A maternidade em minha casa não é um fardo, ou uma obrigação, é muito amor, carinho, dedicação e encarando tudo dessa forma, a nova rotina fica bem mais fácil...

 Ao longo da minha licença, tive a maioria dos dias de folga dos meus saltos, das roupas formais e até de makes elaborados, mas não me larguei não, acordava e já tentava pelo menos passar um corretivo, um brilho labial, um lápis marrom, usava roupas confortáveis, mas bacanas, tive meu dia de princesa quando fui fazer o ensaio de fotos do Daniel com 3 meses e, quem me deixou linda foi a Paola, falei dela no post sobre o batizado, ela vai até sua casa e arrasa com os pincéis e cabelo!



Foto do ensaio de 3 meses do meu pitico !


E também tive um casamento, minha primeira saída noturna depois do Daniel, ele já estava com 6 meses e minha sogra veio ficar com ele! Foi uma delícia poder curtir um pouco a festa com meu marido e mais uma vez a Paola arrasou no cabelo e make!




Ahh não cortei mais os cabelos tão curtos, estou curtindo ele na altura dos ombros, pois é mais prático para a vida de mãe, se não estiver bom, é só prender kkk e em outubro do ano passado (quando parei de amamentar) eu fiz luzes para iluminar um pouco!Amei o resultado!



E com o passar dos meses, o cabelo clareou ainda mais e confesso que estou adorando essa fase cabeluda e mais loira kkkk


O cabelo com luzes requer maiores cuidados, mais hidratações e, eu estou gostando muito da linha profissional Mythic Oil da L´Oreal , me surpreendi positivamente com essa linha nova da Dove, mais barata e com um bom efeito, deixou meu cabelo bem macio, brilhante e sem pesar!







E com a volta efetiva ao trabalho, passei a me arrumar melhor, voltei a ter um pouco de tempo só para minha vaidade e, aos poucos tudo volta a ser como antes da gestação, mas na minha opinião tudo ainda melhor, pois a felicidade nos deixa ainda mais bonitas! E lá em casa minha felicidade agora tem nome e sobrenome kkk




Postei essa foto no meu Instagram (@salmazi) com a seguinte legenda...cabelos escovados, unha feitas, colares no pescoço e cinto na cintura...só as mães entenderão a felicidade desse momento kkk




Depois de tudo o que passei, chego a conclusão que a maternidade me deixou mais feliz, serena e segura! Isso com certeza reflete na beleza exterior, estou com mais olheiras, menos tempo, dormindo menos, meu closet anda sempre bagunçado, não troco tantas vezes de bolsa como antes, não compro mais tantas roupas e sapatos, mas é possível sim, ser mãe e continuar tendo vaidade, continuar com seus cuidados diários de beleza, o segredo é você não querer o seu tempo de antes e, sim aceitar se adaptar a um novo tempo e ainda no final receber um grande lindo sorriso banguela!


bjs carinhosos
Ouse Ser Quem Você É
Gi Salmazi


5 de fevereiro de 2015

Amamentar é um ato de amor e dedicação...mas dar a mamadeira não irá te fazer menos mãe...

Oii meninas, o post de hoje é muito pessoal e foi escrito com muito carinho, principalmente para as futuras mamães...a minha experiência com a amamentação!

Quando seu filho nasce, em meio toda a comoção desse momento, da sua alegria, da família, seu pitiquinho ou pitiquinha chega todo fofo, com um biquinho de passarinho, pronto para ser alimentado e você ainda sob o efeito da anestesia em todos os sentidos se pergunta...e agora, vou conseguir amamentar meu filho?

É uma responsabilidade imensa, ao mesmo tempo o ato mais simples da natureza, dos mamíferos e, pensamos...não vamos complicar, tudo vai dar certo! E lá vai seu pequeno sugar com toda força do mundo o alimento de sua sobrevivência...e realmente é a cena mais linda desse mundo, dar a vida e conseguir alimentar essa vida com seu próprio leite é maravilhoso.

Para algumas mulheres nada de dor, nada de complicações, para outras a dor é imensa, o bebê não consegue sugar ou pegar de forma correta, o leite demora a descer, o peito pode rachar, sangrar...

No meu caso, o Daniel nasceu e foi direto para a U.T.I, o peguei no colo por segundos e só consegui subir umas 6 horas depois, pois insisti muito com as enfermeiras, subi com muitas dores, mas queria ver meu filho e alimentá-lo...

E eu consegui...logo de primeira meu pitico acertou a pega, mamou com vontade e não parou mais, nos 3 primeiros dias não doeu nada, mas quando o leite realmente desceu, não me esqueço da dor imensa que senti, mal consegui tomar banho e, foi a primeira vez que chorei de verdade, doia o peito, doia o corte da cesárea e, meu menino ainda estava em uma incubadora na U.T.I, chorei muito, muito mesmo, mas tudo passou...

O Daniel ficou internado na U.T.I por 25 dias, eu me hospedei em um hotel ao lado, pois ele mamava tão bem que não queria ficar longe dele nesse momento, acordava de madrugada e de pijama mesmo saía do hotel e ia para o hospital (vaidade passou longe kkk)

E Daniel só mamava no peito, ganhou peso e amamentar se tornou algo prazeroso, o nosso momento do dia mais especial, o momento que ele era só meu e de mais ninguém, são tantos sentimentos bons, que não iria conseguir descrever tudo isso com palavras...amamentar é um ato de amor e dedicação!

E fomos assim, leite materno exclusivo até o terceiro mês, Daniel nasceu pitico mesmo, com 2,160 gramas e 46 cm e nesses 3 primeiros meses, não perdeu peso, mas também não ganhava muito...desde o hospital sempre tive leite, mas pouco, as mamas não enchiam tanto entre uma mamada e outra, conversei com minha médica e comecei a tomar remédios para aumentar a produção e também tomei muito Chá da Mamãe da Weleda e muita água, muita mesmo!

Depois da consulta do terceiro mês comecei a perceber o Daniel muito irritado, chorando mais para adormecer e estranhei muito, pois ele sempre foi bonzinho, não chorava, não teve cólicas e, mesmo assim ele adormecia no meu colo, mas notei que tinha algo estranho e pensei...deve ser fome!

Conversei com o pediatra dele, um nutrólogo muito experiente e tranquilo e, com toda a sinceridade do mundo ele me disse que o Daniel realmente engordou muito pouco, mas que a amamentação era muito importante nesses 6 primeiros meses e, que deveria continuar tentando, mas que poderia complementar e ver o quanto o Daniel aceitava do leite artificial na mamadeira.

Confiei no meu pediatra e no meu coração e passei a dar o peito e a mamadeira, o pitico mamava os dois com tanta vontade!! Em um mês engordou tudo o que não tinha engordado antes e voltou a ser o bebê tranquilo e feliz que ele sempre foi!

Mas meu leite ia secando a cada semana, aumentei dosagem de remédio, tomei outros tipos de chá, mas nada deu muito certo e com 5 meses e meio , o meu leite secou de vez...fiquei muito triste, chorei muito, não ia ter mais esse momento tão único com meu menino...

Sequei as lágrimas e pensei...caramba...já me aconteceram tantas coisas para chegar até aqui, foram 5 anos tentando ter um filho, gravidez ectópica, a perda dos meus gêmeos no sexto mês de gestação, Daniel ficou por quase um mês na UTI e eu o amamentei lá em todos os horários e, me dei uma bela bronca... disse chega de chorar e reclamar, a vida foi muito boa me dando a chance de ser mãe e, não serei menos mãe alimentando meu filho com uma mamadeira!

E assim continuamos com nosso momento único e especial, olho no olho, continuamos com nossa ligação, nossa cumplicidade, pois ser mãe é atitude, sentimento e carinho e cada mulher tem a sua história, tem suas razões, motivos, medos e ansiedades, mas sempre será MÃE.







E essa foi a minha experiência com amamentação, pensei muito antes de publicar esse post, pois o mundo da maternidade é muito complexo, cheio de opiniões, dicas, professoras,  muito cruel e competitivo, as próprias mães se julgam muito! 

Hoje raramente me manifesto, dou dicas ou conselhos sobre maternidade(só posto fotos do meu fofucho! kkk), mas já fiz muito isso com minha irmã e amigas, até tentando ajudar (peço desculpas pela intromissão!) mas a grande verdade é que você só se torna realmente mãe quando tem um filho para cuidar!

Fui mãe mais velha e, talvez isso tenha me deixado até mais paciente e tolerante com conselhos, dicas e afins...amo redes sociais e, nesse novo mundo passei a me interessar por blogs maternos (tem uns ótimos, outros bem loucos kkk) , fui convidada para participar de alguns grupos, mas sinceramente, cansei da maioria...

E não aguento mais a expressão "...criação com apego..." "...maternar é..." "...amor é livre demanda...livre criação..." "papinha gourmet" " meu filho não escuta músicas ou vê desenhos comerciais...Hããã ?

E existe criação sem apego? Existe falta de amor na mãe que tenta seguir alguns horários? Que tenta estabelecer rotina? A comida do nosso filho tem que seguir receitas elaboradas? Quem é menos mãe por de vez em quando ficar "fora da casinha dos bons conselhos" , dançar como uma galinha azul famosa ou deixar o filho ver o desenho com uma porquinha simpática e mal educada kkkk ?

Na minha opinião " maternar é cuidar e educar seu filho de acordo com seus princípios, sem tentar estabelecer "certo ou errado" para a outra mãe...

Mas com esse desabafo, tb estou julgando essas mães...então o melhor há fazer é não seguir ou participar de nenhuma conversa desse tipo sem stress...

Se vierem me perguntar...vc cria seu filho com apego? Respondo...Não, ele nasceu tão independente que está se virando bem sozinho ...
Ops...
#momentosaraiva #desculpemodesabafo




 Meu melhor conselho para a maternidade? 

Mamãe feliz, tranquila e segura, deixa o bebê mais feliz também! Acredite em você como mãe e confie nos seus instintos! Como diz a propaganda...Você será uma ótima mãe, minha menina!


bjs carinhosos
Ouse ser a mamãe que você é




27 de janeiro de 2015

Batizado do Daniel - Mais um sonho realizado

Oiii meninas! Obrigada pelos comentários no post anterior, eu amo esse cantinho!!!

E vamos começar o ano, com um post sobre o batizado do Daniel! O batizado foi no dia 30/11/2014 e na mesma igreja que eu e meu marido nos casamos aqui em SP, o Santuário de Nossa Senhora de Fátima, foi uma cerimônia linda e emocionante!

Sempre sonhei com essa cerimônia, pois se ela acontecesse eu estaria com meu filho no colo sendo abençoado e vocês podem imaginar o quanto esse momento foi especial...e essa foto resume um pouco de toda essa emoção e amor...


Meu pitico lindo...




Nossa Senhora de Fátima que abençoou meu casamento, abençoou meu filho também...



 A cerimônia foi em uma tarde de domingo, bem na hora da soneca do Dani, mesmo assim ele se comportou, ficou quietinho e observando tudo...


Meu menino fofo...a roupa toda em linho branca foi presente da madrinha dele e compramos na Silmara Bebê


 Aqui vocês conseguem ver meu look, escolhi um vestido branco em renda bem delicado e nos pés scarpins azul (minha cor preferida sempre) o vestido é da PA Concept e o scarpin da Zara 


 Mais uma do look ...


E a fofura fazendo pose? Nem chorou sendo batizado...

Ahh o cabelo e o make fiz com a Paola Stella, que é muito talentosa e atende em casa com hora marcada! Fiz com ela o make do ensaio de gestante e do ensaio com o Daniel de 4 meses, quem quiser maiores informações é só curtir a pagina dela no face;
PAOLA STELLA MAKE UP ARTIST



 E a foto com meu marido e,  com as madrinhas que foram minha irmãs Camilla e Kellen e, o padrinho meu cunhado Rodrigo, muito amor em família!!!



E depois da cerimônia na igreja, organizei uma recepção para os convidados no salão de festas do meu prédio, e mais uma vez o Alex e a Fernanda da DICASA FESTAS realizaram o meu sonho, um jardim de hortênsias, com muitos anjos, ursos, tudo bem delicado como pede um batizado... ( no final do post coloco o link de todos os fornecedores)


A flor Hortênsia representa obstinação (lutei muito pelo meu sonho de ser mãe e não desisti!), dignidade, honra e os mais profundos sentimentos, que é o que mais desejo para meu filho... 
















 E mais um sonho realizado...foi tudo tão perfeito, ao vivo a mesa era ainda mais encantadora!




E como o batizado foi no meio da tarde, optei por um buffet de canapés, frios e finger foods, um cardápio leve que agradou todos os convidados... o buffet que contratei foi " O Francês" e adorei a qualidade do serviço deles, tudo muito gostoso e bem servido!





Eu passo horas, dias, meses, pesquisando lembrancinhas...sempre quero algo diferente e útil ! Para o batizado do Daniel, escolhi quadrinhos com a imagem do Anjo da Guarda e na parte de trás tinha a oração do Santo Anjo! Todos ficaram encantados! E para os padrinhos e avós fiz um caixa especial, afinal eles merecem!!







E ainda tinham esses marcadores de livro com um tercinho, foi um sucesso!




Meninas e aqui uma foto do meu chá de bebê com minhas queridas irmãs que eu tanto amo, já paparicando o Daniel.... 


 E elas foram escolhidas para serem as dindas do meu pitico, muito amor, respeito e carinho eterno! E nossa família vai aumentar, pois além dos meus sobrinhos fofos filhos da Kellen, minha irmã Camilla está grávida da nossa Luisa (olhem a barriguinha dela na foto - a da esquerda)




E aí meninas gostaram do post? Esse foi feito com o coração, mostrando um pouco mais do meu sonho de ser mãe, a maternidade está me proporcionando momentos maravilhosos e eu só posso começar esse ano ainda mais agradecida a Deus por tudo isso...

E o dono da festa, dono do meu tempo, do meu coração e do meu mundo...nosso gatinho curtiu muito toda essa festa linda que preparamos! 





Fornecedores do Batizado

Decoração, bolo e doces   

Buffet Finger Foods  

Lembranças quadrinhos com anjos e marcadores de livro com tercinho

Lembranças para padrinhos e avós

Fotografia (ela é maravilhosa, tem um olhar incrível com as crianças, faz cliques lindos)


15 de janeiro de 2015

E 2015 começou...

Oiii meninas, tudo bem por aí?! Antes de mais nada...Feliz 2015! Que cada uma tenha um ano maravilhoso repleto de realizações, sonhos, abraços sinceros e beijos estalados! E muita, muita saúde!!

Em casa esse Natal foi muito especial, pois nosso filho tão esperado foi nosso maior presente! E como o Natal fica melhor com as crianças, né? Com elas revivemos a magia dessa data, a esperança de que o mundo vai melhorar e que podemos acreditar em sonhos!

Nossa noite de Natal foi uma farra, mas o Dani dorme cedo (20:30/21:00) e como gosto de respeitar seus horários (mãe loka da rotina kkk) ele curtiu os primos, os avós, tirou fotos, abriu os presentes, mas dormiu no horário de sempre, um verdadeiro príncipe kkk


 Meus sobrinhos, primo e irmã amados!! E no próximo ano teremos a Luisa nessa turminha, minha irmã está grávida e logo serei titia de uma princesa, imaginem a alegria da minha família com tantas crianças lindas em nossas vidas? Ahh minha princesa Maria Clara, já está uma mocinha e ganhou seu primeiro cachorrinho, o Paçoca!


E logo depois viajamos para a praia, para curtir nosso Ano-Novo e apresentar um mundo novo ao nosso pitico...


Tem coisa mais gostosa que pezinhos de bebê? Eu mordo e aperto todos os dias!



E ele amou a areia, mas ficou desconfiado com o mar kkk mas depois entrou com o papai!




 Meu macaquinho, meu grudinho, curti a praia de uma maneira diferente, respeitando os horários do pequeno, cuidando dele com muito carinho, curtindo cada minuto das nossas férias, foi uma realização, uma delícia!



 E até rolou bolo de 8 meses! Eu não deixo de comemorar!!


E a cara de desconfiado olhando para o mar? Meu pitico virando bolota!!




 E amou a areia, se eu o colocasse na canga, ele chorava !! Vou levar um ano para tirar toda a areia!



 8 meses do mais puro amor! O sapeca mais gostoso da minha vida!


E 2014 foi um ano muito especial, meu filho entrou em minha vida e me mostrou o que é a felicidade real, o que é o amor visceral, o amor mais puro e verdadeiro que podemos sentir e o melhor é saber que teremos pela frente anos ainda melhores e mais felizes, pois esse pequeno irá aprender e nos ensinar tantas coisas! Nosso pequeno grande homem...





E aí meninas vamos ter um 2015 maravilhoso? Sonhos se realizam, temos que acreditar e correr atrás deles! 

E comecei 2015 com muita vontade de voltar a blogar... de escrever um pouco sobre o mundo da maternidade (maravilhoso e louco demais!) de postar looks profissionais fotografados de uma forma mais bacana (merecemos, né?) de postar dicas de beleza e bem-estar, de continuarmos com nossa querida Maria Ester...enfim estou cheia de ideias e, vou colocar tudo em prática, pois esse cantinho é muito especial! Me aguardem! 

bjs carinhosos sempre

Gi Salmazi

23 de dezembro de 2014

Então é Natal...


Oiii meninas!! Então é Natal ... estava morrendo de saudades, mas esse ano minha vida realmente mudou muito, para melhor, pois ser mãe do Daniel foi meu melhor papel do ano, meu pitico levou o Oscar em meu coração e, meu tempo livre agora é só dele!

Mas não poderia terminar o ano, sem dar uma passada por aqui, dar notícias e postar fotos do meu pitico que virou um bolota de verdade! Daniel irá completar 8 meses no dia 02/01 e está cada dia mais lindo, sapeca, um menino tão querido, que nunca imaginei nem nos meus melhores sonhos!

Farei um post com mais detalhes sobre o batizado do meu pitico, foi uma festa linda e emocionante! Essa foto traduz muito o brilho no olhar e a felicidade que invadiu a minha vida!


Meu pequeno príncipe! Um sonho de tantos anos realizado e ele foi batizado na igreja que casei, no Santuário de Nossa Senhora de Fátima, terminamos o ano abençoados!



E já que estamos no Natal...



 Com o coração cheio de amor e gratidão agradeço a Deus por ter me concedido a graça de ser mãe desse pequeno tão gigante em nossas vidas! 



 Nosso melhor presente de Natal, agora só peço ao menino Jesus muita saúde e sabedoria para cuidar bem desse pequeno grande homem!



Meninas que ainda passam por aqui, meu muito, muito obrigada pelo carinho e lembrança, que vocês tenham um Natal iluminado pelo menino Jesus, repleto de comidinhas gostosas ao lado da família, filhos e amigos e que o Papai Noel traga um saco de energia boa e positiva!

E que 2015 seja um ano maravilhoso para todas!

Um abraço muito apertado meu e do meu bolota!

Gi Salmazi




oiii

22 de dezembro de 2014

DICAS DA MARIA ESTER- Minhas escolhas para o verão - e BOAS FESTAS!!



Olá meninas, tudo bem?
Tudo pronto para as festas?
Não poderia deixar o ano terminar sem dar uma passadinha para dar um olá.
Não tenho conseguido manter uma regularidade nas postagens e peço desculpas.

Hoje venho dividir algumas de minhas escolhas para o verão.
Estação preferida por grande parte dos brasileiros, e que eu detesto rsrs.
Mas nem por isso desanimo. E procuro dar meu jeito para desfilar por aí com o mínimo de dignidade...e peruíce hahah.

Ando usando muito...


Toques de vermelho

Cor que acho bonita, mas perigosa. Qualquer excesso pode cair na vulgaridade ou ficar deselegante. Nas roupas acho que o segredo é sempre escolher peças vermelhas em tecidos nobres. Fujam das malhas e afins, e procurem sempre peças com boa modelagem e acabamentos de qualidade.
Tenho gostado de usar o vermelho em detalhes; nos acessórios, batom (sempre), esmalte, e em geral com looks neutros. Os toques de vermelho surgem como pontos de cor que atraem o olhar. Acho chique! rsrs






Pérolas de forma moderna

Pérolas são lindas, atemporais e clássicas desde Coco Chanel, e no momento viraram super trend. É só dar uma voltinha nas lojas para perceber.
Primeiro foi Karl Lagerfeld que colocou as mega pérolas em seu desfile. Depois Raf Simons da Dior lançou os brincos de bolinhas duplas.
Dessa vez as pérolas aparecem com design moderno, de formas inusitadas e nem um pouco clássicas. Eu amei essa nova reinterpretação! Achei um jeito fresco e jovem de usá-las.
E a dica que sempre dei aqui continua valendo. Use as pérolas em produções modernas e elas parecerão atuais e não envelhecerão o look.



Kimonos - minha terceira peça para o verão
 
Os kimonos do momento trazem apenas uma leve inspiração oriental na modelagem. Os tradicionais japoneses são em geral feitos com sedas pesadas e usados fechados. Os atuais têm uma inspiração mais boho.
São feitos em sedas ou similares, leves e fluidos.
Frescos, fazem a vez da terceira peça em looks para o verão sem esquentar demais.
Gosto bastante, aliás, tenho um há uns 5 anos.
Combina com calças, shorts, vestidos, enfim, são super versáteis. Dá para usar de dia e de noite, dependendo do modelo ou tecido.
Dão um up em looks de jeans e camiseta. Acho que fica uma graça.
Dá uma elegância desencanada, um chic meio anos 20 em Paris, super Belle Époque!! rsrs

DICA: Tenho visto uns mais curtos, logo abaixo do osso do quadril, e não acho tão bonitos. Ficam quadrados, perdem o efeito da fluidez e deixam a mulher maior e mais baixa. Cuidado. O mesmo acontece com os modelos em renda. Não acho que ajudam muito na silhueta. A renda por ter textura dá o mesmo efeito de volume. Experimente um modelo mais compridinho em tecido fluido e veja a diferença.





Esses são meus kimonos. Dá para ver como são versáteis. Combinei com peças bem diferentes. 
O azul tenho há uns cinco anos. Ele não tem franjas como os outros.
Tenho usado muuuito! É uma ótima terceira peça para dias de calor, para aquela saidinha onde sabemos que o ar condicionado vai bombar...
Gosto de combinar com colares longos.


Meninas queridas.
Gostaria de desejar a todas vocês e as suas famílias um Natal maravilhoso!
Que possam aproveitar esse momento junto das pessoas queridas, com harmonia, felicidade, união e paz.
E que 2015 traga a esperança de dias melhores, muita saúde
e momentos especiais em suas vidas.
Enfim, que seja mais do que uma época de festas, 
seja mais que tudo a celebração de um recomeço cheio de paz e amor.

Beijos carinhosos, 
com amor

Maria Ester Reis

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...